sexta-feira, julho 1, 2022
spot_img
HomeNotíciasEntenda como a farmácia oncológica atua no setor pediátrico

Entenda como a farmácia oncológica atua no setor pediátrico

Você já ouviu falar sobre a farmácia oncológica? Entende seu papel ou imagina como ela atua na pediatria? Na visão do empresário Manoel Conde Neto, proprietário da Farma Conde, a farmácia clínica em oncologia consiste em realizar avaliações de prescrições médicas, padronizar medicamentos e auxiliar no processo do tratamento dos pacientes. Agora, quando falamos de oncologia pediátrica, essa área envolve todo o processo de controlar a qualidade dos medicamentos e garantir que a prescrição médica seja seguida de forma efetiva pelos pacientes.

 

De imediato, podemos mencionar que é de suma importância uma boa relação de diálogo entre o profissional da saúde, o paciente e o seu acompanhante, para que o tratamento seja executado de forma pontual e eficaz. Como pensa o empresário Manoel Conde Neto, a adesão terapêutica é facilitada quando são identificados os problemas atrelados aos medicamentos, seu correto uso e a consciência do paciente em relação à importância de se seguir a orientação médica. Por isso, se você possui interesse no assunto, este artigo foi feito para você! Então, siga a leitura até o final e aproveite!

 

Se você não sabe, entre 2020 e 2022, cerca de mais de 4 mil novos tipos de câncer infanto-juvenil serão constatados, conforme projeção do Instituto Nacional de Câncer. Sendo assim, é evidente que o trabalho de prevenção e tratamento deve ser acirrado. Na concepção do empresário Manoel Conde Neto, a oncologia pediátrica engloba um conjunto de doenças com características próprias e que possuem relação com a histopatologia. Confira abaixo alguns dos sintomas mais comuns que auxiliam o farmacêutico oncologista a identificar doenças nessa faixa etária:

 

  • Sangramento pelas narinas ou garganta;
  • Fraqueza e cansaço;
  • Perda de apetite;
  • Dores de cabeça, tontura e dificuldade ao respirar;
  • Febres e infecções recorrentes.

 

Podemos mencionar, ainda, que dentre os tipos de cânceres pediátricos mais comuns, estão: leucemia, sistema nervoso central e linfomas. Mas qual seria as atividades atribuídas ao especialista em oncologia nesse campo? Como compreende o empresário Manoel Conde Neto, o farmacêutico oncologista tem como papel principal garantir de forma integral o cuidado com o paciente com câncer, que faz desde a sua identificação, até seu tratamento e as complicações atreladas a ele.

 

Agora que entendeu um pouco mais sobre essa área, imagina quais são as outras atividades que podem ser ministradas pelo profissional? Saiba que o farmacêutico especializado em oncologia deve tratar de atividades tanto clínicas quanto assistenciais. O papel dele inclui orientar seus pacientes e familiares, preparar medicamentos, compreende o correto armazenamento desses produtos, o uso correto dos remédios, o tratamento das doenças e as formas de lidar com reações adversas, muito comum em pacientes pediátricos que sofrem de algum tipo de câncer.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -spot_img

Ultimas Notícias