segunda-feira, setembro 27, 2021
Home Games Joe Biden diz que ataques cibernéticos podem levar a uma “guerra real”

Joe Biden diz que ataques cibernéticos podem levar a uma “guerra real”

O presidente dos Estados Unidos alertou para os impactos dos ataques de hackers a agências governamentais e empresas do país. Segundo Joe Biden, esse tipo de ação pode levar a uma “guerra de tiros real”. A declaração chega após uma série de invasões que resultaram em paralisações em importantes operações de petróleo e frigoríficos nos EUA.

Joe Biden, presidente dos EUA (Imagem: Reprodução/Facebook/The White House)

Joe Biden, presidente dos EUA (Imagem: Reprodução/Facebook/The White House)

O discurso de Joe Biden foi feito durante uma sessão no Gabinete do Diretor de Inteligência Nacional. Segundo o presidente norte-americano, as ameaças hackers “são cada vez mais capazes de causar danos e interrupções no mundo real”, portanto, uma “verdadeira guerra” poderia ser “consequência de uma violação cibernética”.

Recentemente, o governo Biden acusou a China e a Rússia por alguns dos ataques contra os sistemas dos EUA, e afirmou que responderia à altura, com “ferramentas visíveis e invisíveis”.

Tensão com a Rússia piorou durante eleições presidenciais

Os ataques da Rússia contra os Estados Unidos não foram apenas feitos por hackers com o objetivo de atingir negócios específicos, mas também teriam sido organizados pelo governo russo para desestruturar o sistema eleitoral do país rival.

Em março, o governo norte-americano alegou que Vladimir Putin estava por trás de uma ação coordenada para apoiar a candidatura de Trump à reeleição por meio de desinformação nas redes sociais.

A investigação também concluiu que apesar de ter considerado participar da ação, a China teria desistido de empregar esforços para alterar o resultado das eleições presidenciais de 2020.

Sobre Putin, Biden afirmou:

“É uma violação pura de nossa soberania. O Sr. Putin tem um problema real. Ele está sentado no topo de uma economia que tem armas nucleares e poços de petróleo, e nada mais. Nada mais. Ele sabe que está realmente encrencado, o que o torna ainda mais perigoso”

O presidente norte-americano já havia alertado sobre a necessidade de uma resposta cibernética caso as ameaças russas continuassem. Entretanto, com os ataques virtuais sendo apenas uma parte das constantes tentativas de atingir o governo dos EUA, Biden afirmou que haveria maior desenvolvimento na próxima década do que nos últimos 50 anos: “Realmente, vai ficar mais difícil”, concluiu.

Com informações: Ars Technica e Finnancial Times.

Joe Biden diz que ataques cibernéticos podem levar a uma “guerra real”

- Advertisment -

Ultimas Notícias