domingo, dezembro 5, 2021
spot_img
HomeGamesGoogle Meet prolonga reuniões ilimitadas na versão grátis até junho

Google Meet prolonga reuniões ilimitadas na versão grátis até junho

O Google adiou mais uma vez o fim das chamadas de voz e vídeo ilimitadas na versão gratuita do Google Meet. Nesta terça-feira (30), a companhia anunciou que os usuários do serviço de videoconferências poderão utilizar suas contas do Gmail para fazer ligações com duração de até 24 horas até junho de 2021. Anteriormente, o benefício estava previsto para terminar em março de 2021.

Google Meet no iPhone (Imagem: André Fogaça/Tecnoblog)

Google Meet no iPhone (Imagem: André Fogaça/Tecnoblog)

Google Meet gratuito terá ligações ilimitadas até junho

O anúncio partiu de uma publicação no perfil do Google Workspace no Twitter. Na rede social, a empresa afirmou que vai manter as chamadas ilimitadas na versão grátis do Meet até junho de 2021. “Continuaremos com chamadas ilimitadas do Google Meet (até 24 horas) na versão gratuita até junho de 2021 para contas do Gmail”, anunciaram.

O tweet veio ao ar próximo ao dia em que seria aplicado o limite de 60 minutos na versão grátis. Em setembro, a companhia adiou pela primeira vez a retirada das ligações de até 24 horas do Google Meet gratuito para 31 de março de 2021. Antes, em abril, o Google havia anunciado que aplicaria a restrição em 30 de setembro de 2020.

“Como prevemos uma temporada de férias com menos viagens e marcos importantes como reuniões de família, reuniões de pais e profesores e casamentos hospedados por vídeo, queremos continuar ajudando aqueles que dependem do Meet para manter contato nos próximos meses”, afirmaram em setembro de 2020.

Com a mudança no prazo, quem possui conta do Gmail poderá fazer chamadas de voz e vídeo pela plataforma com duração máxima de até 24 horas até junho de 2021. Por enquanto, não se sabe se o benefício será prolongado mais uma vez no futuro.

Com informações: Google Workspace (Twitter) e The Verge

Google Meet prolonga reuniões ilimitadas na versão grátis até junho

- Advertisment -spot_img

Ultimas Notícias