sexta-feira, junho 18, 2021
Home Games Presidente do BC dos EUA compara criptomoedas ao ouro

Presidente do BC dos EUA compara criptomoedas ao ouro

O presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, comparou as criptomoedas ao ouro nesta última quarta-feira (14) durante um evento virtual promovido pelo Economic Club of Washington. Segundo ele, as moedas digitais funcionam de uma maneira similar, tendo um valor agregado que não condiz com a sua funcionalidade prática.

Presidente do Federal Reserve, Jerome Powell compara criptomoedas ao ouro (Imagem: Brookings Institution/ Flickr)

Presidente do Federal Reserve, Jerome Powell compara criptomoedas ao ouro (Imagem: Brookings Institution/ Flickr)

“Durante milhares de anos os seres humanos deram ao ouro um valor especial que ele não possui como metal industrial”, afirmou Powell durante o evento. Para ele, as criptomoedas operam de maneira similar, se valorizando com base na especulação enquanto possuem poucas funções práticas como moedas de troca.

Criptomoedas são ferramentas de especulação

Powell afirmou que as criptomoedas ainda não conseguiram se tornar uma ferramenta de pagamentos e são usadas principalmente para “fazer apostas”. Segundo o presidente do Fed, elas são “meios para especular” e não são realmente usadas para transações.

Essa fala aconteceu no mesmo dia que a Coinbase, maior corretora de criptomoedas dos Estados Unidos, abriu seu capital e começou a negociar ações na bolsa de valores americana Nasdaq. A notícia agitou todo o mercado de moedas digitais e fez com que o bitcoin (BTC) e ether (ETH) batessem novos recordes de preço.

Bitcoin seria uma alternativa ao ouro

Não é a primeira vez que o presidente do banco central americano fala sobre as criptomoedas. No final de março, Powell participou de um evento virtual promovido pelo Banco de Compensações Internacionais (BIS) e opinou sobre o bitcoin (BTC), principal moeda digital do mercado.

Na ocasião, ele afirmou que “criptoativos são altamente voláteis, como o bitcoin, e por isso não são muito úteis como reserva de valor. Eles não são apoiados por nada, são ativos especulativos”. Assim, Powell concluiu que o bitcoin funciona melhor como um substituo para o ouro do que como uma alternativa a uma moeda fiduciária como o dólar.

Powell apoia uso de stablecoins para pagamentos

Porém, suas críticas não se estendem para todas as criptomoedas. Para Powell, as stablecoins, tipicamente indexadas a uma moeda tradicional, seriam uma “evolução” dos criptoativos e poderiam ser relevantes um novo sistema de pagamentos eletrônicos. Devido à estabilidade de preço, elas são uma alternativa viável para se utilizar em transações.

“As stablecoins ​​podem ter um papel a desempenhar com a regulamentação apropriada, mas esse papel não será de formar a base de um novo sistema monetário global”, afirmou Powell. Contudo, Powell também deixou claro que uma moeda digital com relevância global administrada por uma empresa privada “merecerá e receberá o mais alto nível de expectativas regulatórias”.

Com informações: CNBC

Presidente do BC dos EUA compara criptomoedas ao ouro

- Advertisment -

Ultimas Notícias