domingo, dezembro 5, 2021
spot_img
HomeGamesDeath’s Door, Outer Wilds e Baldo são jogos indie para ficar de...

Death’s Door, Outer Wilds e Baldo são jogos indie para ficar de olho

Os jogos independentes são a melhor forma de experimentar mecânicas e enredos que fogem dos padrões manjados de títulos de grande orçamento. O desafiador Death’s Door, o enigmático Outer Wilds e belíssimo Baldo: The Guardian Owls são três games indie que valem muito a pena conhecer — nas linhas a seguir, conto como esses títulos me encantaram, e como eles podem conquistar você também.

Death's Door, Outer Wilds e Baldo: The Guardian Owls (Imagem: Divulgação/Devolver Digital, Annapurna Interactive e Naps Team)

Death’s Door, Outer Wilds e Baldo: The Guardian Owls (Imagem: Divulgação/Devolver Digital, Annapurna Interactive e Naps Team)

Death’s Door é desafiador na medida certa

Death’s Door é um dos jogos independentes mais incríveis que já experimentei. Desenvolvido pela Acid Nerve e publicado pela Devolver Digital, o game de ação traz combates que exigem reflexos rápidos e um arsenal com diversas armas e magias diferentes para derrotar os inimigos.

Death's Door (Imagem: Divulgação/Devolver Digital)

Death’s Door (Imagem: Divulgação/Devolver Digital)

Para quem gosta de desafios, Death’s Door é uma excelente pedida. Mesmo difícil, os combates são balanceados e justos. Foram raros os momentos em que me senti frustrado por ter morrido — pelo contrário, a cada chefe derrotado, sentia como se tivesse sido recompensado por aquela luta. Há também as masmorras, onde você ainda libera novos equipamentos para variar ainda mais as estratégias.

No enredo, você assume o papel de um corvo cujo dever é recuperar uma alma que seria enviada para o mundo dos mortos. Já na parte gráfica, fiquei encantado com a direção de arte, que criou um mundo belíssimo, com paisagens de tirar o fôlego. Death’s Door está disponível para PC, Xbox One e Xbox Series X|S, com menus e legendas em português do Brasil.

Outer Wilds traz exploração sem violência no espaço

Outer Wilds (Imagem: Divulgação/Annapurna Interactive)

Outer Wilds (Imagem: Divulgação/Annapurna Interactive)

Se você ainda não jogou Outer Wilds, recomendo fazer isso agora. Na última quinta-feira (30), a Annapurna Interactive revelou a expansão Echoes of the Eye como conteúdo extra para o game de aventura de ficção científica da Mobius Digital. O lançamento ficou marcado para 28 de setembro.

Em Outer Wilds, você assume o papel de um recruta em um novo programa espacial cuja missão é encontrar respostas para os mistérios do universo nos confins de um sistema solar desconhecido. Sem recorrer a mecânicas de combate violentas, o game foca na exploração de planetas para encontrar vestígios de uma antiga civilização alienígena.

O medo do desconhecido me domina ao jogar Outer Wilds. Mesmo sem violência, o game acelera o coração por te prender em loops temporais de 22 minutos, que reiniciam sempre após uma estrela explodir. Depois de cada loop, alguns eventos e locais mudam, criando interações únicas a cada exploração. Outer Wilds está no PS4, PS5, Xbox One, Xbox Series X|S, PC e Nintendo Switch.

Baldo é uma linda mistura entre Zelda e Studio Ghibli

Baldo: The Guardian Owls (Imagem: Divulgação/Naps Team)

Baldo: The Guardian Owls (Imagem: Divulgação/Naps Team)

Se o Studio Ghibli se juntasse com a Nintendo para criar um novo The Legend of Zelda, o resultado seria parecido com Baldo: The Guardian Owls. Em produção há 15 anos pela desenvolvedora italiana Naps Team, o RPG de aventura promete combates em ação e muitas masmorras complexas com quebra-cabeças para resolver.

No game, os jogadores vão assumir o papel de Baldo, um jovem aventureiro que terá seu futuro decidido por uma profecia antiga. Durante a jornada para mudar seu destino, o protagonista vai conhecer outros personagens peculiares, enfrentar inimigos cada vez mais fortes e encontrar tesouros com equipamentos poderosos.

Com gráficos em estilo cartunesco, criaturas surreais e cenários com cores vibrantes, o título é uma das minhas maiores apostas para este ano e  tem tudo para figurar entre os melhores jogos de 2021. Baldo: The Guardian Owls chega em 27 de agosto para PC, PS4, PS5, Xbox One, Xbox Series X|S e Nintendo Switch.

Death’s Door, Outer Wilds e Baldo são jogos indie para ficar de olho

- Advertisment -spot_img

Ultimas Notícias